Grupo belga compra retail parks em Viana, Aveiro, Alverca e Santarém


A Mitiska REIM somou quatro imóveis ao portefólio português, que começou a construir há dois anos em Coimbra e Vila Nova de Gaia. A operação fechada com a Blackstone contou com o financiamento do Novo Banco.

O Lima Retail Park (Viana do Castelo), o Aveiro Retail Park, o Alverca Park e o Santarém Retail Park acabam de passar para as mãos do grupo belga Mitiska REIM, que anunciou esta segunda-feira, 27 de janeiro, ter completado "uma das maiores transações de todos os tempos em Portugal" neste segmento.

Estes quatro ativos, que representam um total de 78,5 mil metros quadrados, eram detidos pela Blackstone e geridos pela Multi Portugal. Com esta operação, cujos valores não foram divulgados pelas partes, o portefólio do grupo em Portugal aumenta para seis ativos, uma vez que em 2018 já tinha comprado o Parque Mondego (Coimbra) e o Focus Park Canidelo (Vila Nova de Gaia).

Numa nota divulgada esta manhã, a Mitiska REIM, que atuou em nome do fundo First Retail International 2 (FRI 2), aponta que este negócio foi financiado pelo Novo Banco e foi assessorado pela RPE, RRP Advogados, PwC, Gleeds e Ambiente LLP, consolidando a sua posição de liderança no mercado e refletindo a confiança na economia portuguesa.

"A aquisição deste portefólio representa um passo significativo no aumento da nossa posição no mercado e presença em Portugal. Com a economia portuguesa e a confiança dos consumidores com tendência crescente, novas marcas de retalho entram no mercado português. A nossa especialização no segmento dos retail parks e retalho de conveniência, combinado com a nossa forte relação com retalhistas locais e internacionais, coloca-nos numa boa posição para tirar vantagem dessa oportunidade", frisa o co-CEO, Axel Despriet.

Especializada em imobiliário retalhista, a Mitiska REIM lançou nos últimos sete anos dois fundos de investimento fechados (FRI e FRI2) e constituiu uma carteira de 71 retail parks, representando cerca de 728 mil metros quadrados de área espalhados por 11 países: Bélgica, França, Alemanha, Espanha, Portugal, Roménia, Polónia, República Checa, Eslováquia e Sérvia.
 


Fonte: Jornal de Negócios